/ SolidWorks e as Dicas do Kastner: Edição Direta – Parte 1 – Base

Edição Direta – Parte 1 – Base

Postado por Guilherme Kastner Dia 14 de julho de 2011

Senhores,

Bem, eu estive me mantendo quieto com os meus concorrentes em todas as redes sociais que participo quando começávamos a comparar os recursos de nossos softwares. Eu realmente considero que a solução que trabalho bem completa e atual, sem necessitar me preocupar com qualquer discurso de ações marqueteiras.

Edição direta

O Solid Edge começou a aparecer no ano de 2008 com o recurso de edição direta conhecida como tecnologia síncrona. Mas pra que ela serve em sua excência? Confiram os benefícios abaixo

  • Alteração mais rápida do modelo
  • Não dependência de recursos ou a árvore de projetos
  • Reconstrução rápida do modelo

Sinceramente, a ideia é muito boa e válida. Todo mundo busca o que os meus concorrentes buscam oferecer ao mercado, inclusive os usuários de SolidWorks.

Na mesma onda o Inventor criou o Inventor Fusion, também com objetivos similares ao do Solid Edge.

A base

imageUma coisa que os softwares listados acima possuem é não se basearem nos parâmetros de árvore,  afinal eles nem possuem uma árvore de recursos.

O que todos alegam é que o fato de não possuir a árvore é o que os deixam mais rápidos no tempo de reconstrução dos seus modelos.

image

Confesso realmente que peças muito grandes com o SolidWorks podem criar arquivos com o tempo de reconstrução muito alto, podendo chegar a mais de minuto. Mas obvio que isso ocorre somente com peças contendo formas extremamente complexas em superfícies ou estruturas de múltiplos corpos com muitos recursos em árvores. Tudo envolve costume e treinamento nos softwares de projetos.

Com o tempo e acompanhamento nos softwares de projeto, qualquer usuário percebe como funciona como criar os seus recursos e a planejar as suas peças.

Ferramentas comparadas aos benefícios

Existe uma diferença entre ferramentas dos softwares comparadas os benefícios. Vamos aos recursos dos meus concorrentes

  • Edição Direta (Louvável)
  • Não dependência da árvore de projetos (questionável)

Benefícios reais dos seus recursos

  • Facilidade de criação e edição do modelo
  • Agilidade na reconstrução das alterações
  • Fácil entendimento do projeto

Ninguém compra o software por saber que ele possui alguma ferramenta com um determinado nome. Todo mundo quer saber como que ela pode impactar o meu trabalho no dia a dia e me ajudar a agilizar os meus projetos, correto?

Instant 3D

O SolidWorks 2008, isso o 2008 mesmo trouxe ao mercado um recurso denominado instant 3D. Ele possui o que muitos dos usuários desejam como recurso de edição e criação dos projetos.

  • Trabalho focado no meu produto
  • Não dependência de recursos ou comandos

Essas ideias não foram retiradas do nada, a Microsoft já anunciava isso como tendência no Office 2007 com a criação das ferramentas de edição de textos e objetos por seleção.

image

A ideia aparentemente colou e os desenvolvedores de software Cad trouxeram isso aos seus produtos. Querem pagar pra ver?

O mais legal para os usuários é contar com os recursos de edição direta não apenas no ambiente de peças mas também no ambiente de desenho com tudo que tem direito. Será que vale a pena conferir o vídeo abaixo?

Quanto aos meus concorrentes

Eu não estou dizendo que sou melhor ou pior que eles. Todos contamos com os nossos recursos. Acriditem, estou no mercado de revenda de softwares CAD há 7 anos e não apenas 7 meses… he he he.

Não quero comparar comparar se a árvore é boa ou não… Quero mostrar que posso e meu software está evoluindo constantemente e eu estudo para cada dia atender mais os meus clientes. Pessoas totalmente insatisfeitas com o seu software são pessoas mal atendidas mas não necessariamente que o software é ruim.

Solid Edge

Um vídeo mostra que por mais que queira parecer diferente… Bem, nada mais a declarar…

Existem coisas que o Solid Edge consegue fazer muito bem, como no vídeo acima. Existem detalhes pontuais em que ele realmente possui benefícios mas tomem as suas decisões.

Autodesk Inventor Fusion

O Inventor Fusion não é alvo da Autodesk para comecialização e monetização. Ele faz parte das soluções do Autodesk Labs, é uma ferramenta que está em desenvolvimento e foi disponibilizado aos clientes como teste.

Ele possui algumas ferramentas boas que o inventor não possuía naturalmente, no que eu conheço do software.

  • Importação de geometrias
  • Edição direta sem árvore de recursos
  • Montagens do inventor com a árvore de recursos também suportam as peças normais.

A SolidWorks e seus clientes

Todo ano sabemos que existem eleições sobre o que os clientes realmente desejam no SolidWorks. Particularmente, eu sempre odeio os resultados mas é o que a comunidade realmente solicita e não os meus desejos pessoais…

Olhem o que foi pedido este ano

http://www.kastner.com.br/2011/02/top-ten-ideas-sww11-lista-de-desejos.html

Sem mais comentários para vocês

Não falo de recursos mas de benefícios… O meu contato por e-mail para contatar os meus serviços pela SKA está na parte de contatos do blog.

Instant 3D

O instant 3D pode atender a todos em diversas funcionalidades

  • Edição de montagens
  • Edição de peças
  • Chapas metálicas
  • Estruturas metálicas
  • Moldes
  • Superfícies
  • Edição de peças importadas

É muita coisa e com facilidade real mesmo… Querem uma série sobre isso?

Sds,
Kastner

Outros Comentários:

  1. Vixi que explicação em Kstner , mto boa mesmo!!!

    Ola Kastner!
    Foi muito bom ter lembrado dessa ferramenta, parece-me bem prática pela maneira que você expôs. Vou treinar!
    grato pela dica!

    Acho que vale uma serie sim!... Eu não possuo o abito de usar a ferramenta, e os demais projetistas que trabalham comigo também não, acredito que em diversas situações de projeto ela deve ser bem mais prática.

    A proposito em uma das respostas que você da em seu Blog, você menciona que é possível vincular o valor de uma Cota a uma propriedade (para descrever o comprimento de corte na lista de materiais), já procurei no seu Blog e não encontro. Qual seria o Link???

    Mais uma vez, seu empenho neste Blog é 10! Meus parabéns!

    Olá Kastner!
    Primeiramente quero parabenizá-lo pelo seu blog e pela ousadia de fazer essa comparação em um momento em que o SW tem sido tão questionado quanto a ser uma ferramenta atual ou ultrapassada.

    Se me permite, gostaria também de corrigir algumas informações quanto ao Solid Edge:

    1ª - A primeira versão ST do Solid Edge saiu em 2007 e não 2008 como comenta. São quatro versões até hoje 1 por ano(hoje estamos no ST4).
    2º - Por segundo, a informação de não se basearem exclusivamente nos parâmetros de árvore está correta. A informação que não possue ou utiliza a arvore de features (recursos) está errada. Veja nesse video: http://youtu.be/Dz8t2kVSQkQ - Como default a arvore de features está no canto superior esquerdo.
    3º - Sobre o video que postou do Solid Edge, ele aborda somente o 3D Driving Dimensions que é o que corresponde o instant 3D que menciona. O Synchcronous é definido mais pelo software reconhecer as geometrias (Concentrico, Paralelo, Simétrico, etc...) e você trabalhar interagindo o tempo todo nas faces do modelo 3D, sem depender da sketch e do pré-planejamento necessário devido a seguencia de criação da árvore. Isso também dá liberdade de trazer qualquer sólido é fazer alterações mais rápidas do que no software somente paramétrico.

    Bom, em geral parabenizo seu empenho nesse blog, é bem bacana mesmo. Unica observação é que para uma pessoa com quase 8 anos no segmento de CAD, deveria estudar melhor os concorrentes antes de publicar. Se precisar de alguma ajuda ou informação me procure: @dkbana

    Grande abraço!

    Este comentário foi removido pelo autor.

    Boa tarde Kastner!
    Aproveitando os comentários do Dan, quero dar os parabéns pelo blog e aproveitar também para fazer algumas pequenas correções sobre algumas informações do Inventor e do Fusion que você citou.

    1 - Idem ao 2o ponto listado pelo Dan. O Fusion também não se baseia exclusivamente nos parâmetros de árvore, mas também possui ou utiliza árvore de features como pode ser observado no vídeo que você mesmo postou (que não mostra muita coisa do Fusion, observe este vídeo para entender melhor como o Fusion trabalha e conhecer melhor os seus recursos http://www.youtube.com/watch?v=pqE737atPnY )
    2 - Sobre o Fusion importar geometrias que o Inventor não importa... O Inventor e o AutoCAD importam os mesmos formatos de arquivos que o Fusion (inclusive os nativos de Catia V4 e V5, SolidWorks, entre muitos outros).
    3 - Sobre o Fusion não ser alvo de monetização, isso depende do ponto de vista, hoje todo e qualquer pacote de AutoCAD e Inventor versão 2012 tem um Fusion instalado junto e trabalhando de forma integrada, para mim isso é um argumento de venda. Modelador gratuito mesmo da Autodesk é o 123D (www.123dapp.com ), o Fusion está no Labs (até maio de 2012) mas como tudo que está no Labs, pode virar um produto comercializado individualmente ou ser absorvido por algum outro produto.

    Ao meu ver, o Instant 3D é uma ferramenta que permite agilizar o trabalho de modelagem mas sem sair do mesmo raciocínio de modelagem com árvore de features (o fato dela estar oculta não significa que ela não é usada ou que não haja vínculo entre as features do tipo Parent-Child). A proposta do Inventor Fusion é bem diferente disto...

    Abraço!

    Raul Arozi
    @raul_skywalker

    Dan,

    Desculpe-me pelo erro de datas...

    Vamos as respostas


    1ª - A primeira versão ST do Solid Edge saiu em 2007 e não 2008 como comenta. São quatro versões até hoje 1 por ano(hoje estamos no ST4).
    ----------------------------
    Ok, Errei... Eu ouvi falar disso no momento errado mesmo... Ouvi falar do ST apenas em 2008
    ----------------------------

    2º - Por segundo, a informação de não se basearem exclusivamente nos parâmetros de árvore está correta. A informação que não possue ou utiliza a arvore de features (recursos) está errada. Veja nesse video: http://youtu.be/Dz8t2kVSQkQ - Como default a arvore de features está no canto superior esquerdo.
    -----------------------
    É a árvore de montagem que tem as peças com o ST... Assistindo o teu vídeo com calma eu vi uma janela onde os recursos do ST são reunidos em uma janela por tipo de entidades (faces cilíndricas, etc)... Mas a peça não possui a árvore de recursos
    -----------------------

    3º - Sobre o video que postou do Solid Edge, ele aborda somente o 3D Driving Dimensions que é o que corresponde o instant 3D que menciona. O Synchcronous é definido mais pelo software reconhecer as geometrias (Concentrico, Paralelo, Simétrico, etc...) e você trabalhar interagindo o tempo todo nas faces do modelo 3D, sem depender da sketch e do pré-planejamento necessário devido a seguencia de criação da árvore. Isso também dá liberdade de trazer qualquer sólido é fazer alterações mais rápidas do que no software somente paramétrico.
    -----------------------
    O meu post seguinte a este responde o seu questionamento...
    http://www.kastner.com.br/2011/07/edicao-diretaparte-2arquivos-importados.html
    -----------------------

    Raul,

    Agradeço a visita e quero te responder

    1 - Idem ao 2o ponto listado pelo Dan. O Fusion também não se baseia exclusivamente nos parâmetros de árvore, mas também possui ou utiliza árvore de features como pode ser observado no vídeo que você mesmo postou (que não mostra muita coisa do Fusion, observe este vídeo para entender melhor como o Fusion trabalha e conhecer melhor os seus recursos http://www.youtube.com/watch?v=pqE737atPnY )
    ------------------------------------
    Me expressei mal e obrigado pelo vídeo correto... Acho que as relações de pais e filhos foram respondidas no meu post Seguinte a este.
    ------------------------------------

    2 - Sobre o Fusion importar geometrias que o Inventor não importa... O Inventor e o AutoCAD importam os mesmos formatos de arquivos que o Fusion (inclusive os nativos de Catia V4 e V5, SolidWorks, entre muitos outros).
    ------------------------------------
    hmm... Muito bom saber disso.
    ------------------------------------

    3 - Sobre o Fusion não ser alvo de monetização, isso depende do ponto de vista, hoje todo e qualquer pacote de AutoCAD e Inventor versão 2012 tem um Fusion instalado junto e trabalhando de forma integrada, para mim isso é um argumento de venda. Modelador gratuito mesmo da Autodesk é o 123D (www.123dapp.com ), o Fusion está no Labs (até maio de 2012) mas como tudo que está no Labs, pode virar um produto comercializado individualmente ou ser absorvido por algum outro produto.
    -----------------------------------
    Obrigado pelo esclarecimento
    -----------------------------------

    Dan...

    Questionamentos... Todos poderemos ter...

    Tem muita gente que diz que a Siemens apenas faz marketing em uma pequena funcionalidade dizendo que é algo revolucionário... Entende? É alguém que escreve algo em um veículo público como o meu blog ou o twitter que pode virar até um TT.

    Portanto, apenas falar que estamos com uma ferramenta ultrapassada pega mal quando vem de um concorrente meu. Eu apenas espero as novidades e demonstro para os meus clientes de forma que sempre nos surpreendemos.

    A cada ano contamos com muita coisa totalmente inovadora

    - Ferramentas de simulação totalmente integradas ao CAD e interativas
    - Ferramentas de simulação de movimento
    - Novidades para o 3DVIA
    - Novidades de PDM
    - Novidades para o CAD... Sim... Ele tem muita novidade a cada ano...

    Estamos investindo em frentes que os nossos clientes pedem... Quando se fala em edição direta poderemos ficar dias a fio debatendo se é importante ou não.

    Não estou dizendo que o recurso de vocês da Siemens é ruim... Seria um desrespeito contigo uma vez que és o diretor de marketing da Siemens PLM.. Estou dizendo que o retorno que nossos clientes nos dão é outro.

    Cara,

    De boa... Esse post é apenas pra provar que não estamos ultrapassados... Somos apenas representantes de soluções diferentes.

    Sds,
    Kastner

    Kastner,

    Eu entendo perfeitamente o post e acho legal esse tipo de comparativo. Como já havia lhe comentado no twitter.

    Quando o pessoal ve o Solid Edge ST3 trabalhando no ambiende hibrido de modelagem trazendo qualquer peça sem histórico (solido burro) e começam a editar paramétricamente e diretamente eles conseguem enxergar que isso é o futuro do CAD 3D. O tempo ganho no projeto é absurdo e é aí que eles comentam sobre os softwares que trabalham somente paramétrico estarem ultrapassados. Por isso do comentário.

    O Synchronous não é uma funcionalidade somente, é um conceito completamente novo de modelar e desenvolver projetos. O futuro não é somente edição direta, mais sim a combinação de paramétrico + direta. É isso que o Synchronous oferece e é isso que gostaria que o pessoal e você entendesse.

    Quanto a peça possuir arvore de recursos (features), veja esse video: http://youtu.be/gdIvwp5yPUc Aqui ele mostra que há a arvore de recurso paramétrico da peça e também a sequencia de construção através do Synchronous. Talves fique mais claro que o outro video.

    Como comentou sobre o Solid Edge, gostaria de esclarecer para você e para o pessoal que frequenta o Blog aqui as informações corretas a respeito. Se você tiver ou tiverem mais alguma dúvida a respeito, tenho grande satisfação em ajudar. É só perguntar.

    Abraço,

    Dan,

    É apenas outra abordagem...

    Eu gosto das maneiras que eu posso trabalhar...

    Sim...

    O Teu vídeo chama a atenção e mostra o ST misturado com as árvores... Eu procurei isso muito na internet e não achei o vídeo explícito com isso.

    Esse vídeo é bacana mas contamos recursos parecidos (instant 3d, mover faces mais recursos de superfícies em montagens). Tudo isso sem depender da árvore, ordenando recursos ou dependendo dela... Contamos com várias formas de trabalho.

    O mercado vai dizer quem vai continuar e quem não vai... Apenas acho que é muito papo e marketing em coisa simples.

    Dan,

    Concluindo...

    São abordagens diferentes que contamos...

    Eu ainda acho que o Instant 3D tem tudo o que os meus usuários necessitam...

    Mas tenho que apenas ilustrar a todos do que o mercado fala...

    Eu uno toda a potencialidade da árvore com os recursos de edição simplificados.

    Agradeço por ter comentado neste post e interagindo com os meus leitores também. Daqui alguns anos vamos rir deste post e ver como o mercado reagiu ao que estás propondo.

    Sds,
    Kastner

© Copyright SolidWorks e as Dicas do Kastner | Design por Paulo Estevão